TV NIKKEY

TV NIKKEY com Paulo Miyagui e Mieko Sehara

O objetivo da programação da TV Nikkey é o de preservar a cultura japonesa no Brasil, divulgar as manifestações e eventos da comunidade nikkey, bem como estreitar os laços de amizade Brasil-Japão.

O programa possui entrevistas, cobertura de eventos da comunidade japonesa. Procura mostrar e preservar a arte e a culinária japonesas. Além de revelar mais da cultura japonesa por meio de documentários sobre a vida da comunidade.

A 2ª Guerra praticamente isolou os japoneses no Brasil. Considerados inimigos, proibiu-se o uso do idioma com muitas perseguições e prisões. Terminado o conflito, os jornais nikkeys reabriram, os programas de rádio retornaram com as músicas que relembravam a terra natal. Foi a época de ouro do rádio.

Nos anos 60, Paulo Miyagui, fascinado pelo veículo, foi trabalhar como Office-boy na Rádio Santo Amaro, cujos proprietários eram seus primos Koei e Mario Okuhara, que foram os pioneiros na TV com o programa “Imagens do Japão”.

O DNA de jornalismo é de família: o irmão, Takao Miyagui, criou na emissora “A Voz do Nissei” e fez carreira na grande Imprensa. O pai, Shosei Miyagui, fundou vários jornais e foi correspondente do jornal “Okinawa Times”, no Brasil.

Até hoje, Paulo Miyagui segue no meio da comunicação: é apresentador da Rádio e TV Nikkey. O programa abrange assuntos relativos à cultura, informações, músicas e bate-papo com os ouvintes. A grande maioria do público da RTV Nikkey é composta por não descendentes de japoneses, que é fascinada pela cultura nipônica. O programa radiofônico existe há mais de 20 anos.